Atelier sobre a fiscalidade bancária

A Associação Profissional de Bancos e Estabelecimentos Financeiros (APBEF-GB) da Guiné-Bissau levou a cabo no dia 26 de Fevereiro, no Hotel Residencial Coimbra, em Bissau, um atelier de reflexão sobre a fiscalidade bancária no país.

A identificação dos principais problemas enfrentados pelas instituições bancárias em matéria de tributação foi um dos objectivos do evento, destinado também a adoptar uma estratégia para a harmonização dos impostos a pagar pelos bancos.

A APBEF-GB pretendeu igualmente com esta iniciativa promover a actualização da Legislação fiscal em vigor na Guiné-Bissau.

Entre os temas abordados no atelier constou uma conferência sobre o “Enquadramento Geral do Sistema Fiscal guineense”.

Participaram no atelier técnicos dos quatro bancos comerciais do pais – BAO, Ecobank, BDU e BRS – assim como representantes dos Ministérios das Finanças, da Economia e da Justiça e de diferentes tribunais.

O programa do atelier incluiu uma mesa-redonda, com os mesmos protagonistas, mas também com a presença de convidados das grandes empresas nacionais e da ACOBES, a associação dos consumidores.

Em Dezembro de 2012 a APBEF já tinha realizado um seminário destinado a melhorar a articulação e a parceria entre a banca e a justiça. Em 2013, organizou um atelié de formação sobre “Obrigação dos bancos na luta contra o branqueamento de capitais e o financiamento do terrorismo”.

27 Mar 2014